Revolta!

O tempo nos atropela e, em um piscar de olhos, descobrimos que semanas passaram, meses correram e anos escorreram por entre nossos dedos! Estou atrasada, reconheço! Entretanto, não hei de deter-lhes a atenção, hoje, sobre devaneios acerca da relatividade do tempo ou de como vivemos a vida sem senti-la passar!

O tema hoje: ‘Revolta!’. Não revolta, mas ‘Revolta!’.

Vamos colocar os pingos nos “is” e as exclamações em seus devidos lugares!

Cartaz da HQ 'Revolta!' de André Caliman.

Cartaz da HQ ‘Revolta!’ de André Caliman.

Revolta!’ é uma história em quadrinhos, cujos capítulos estão sendo publicados mensalmente na página http://revoltahq.blogspot.com.br! O roteiro e o desenho de ‘Revolta!’são de André Caliman, um quadrinista de gabarito que, para minha sorte, leciona o curso de HQ’s da Gibiteca de Curitiba!

Pensei em um zilhão de formas para tratar sobre esta HQ e trazer-lhes uma pitada de suas abordagens. Entretanto, minhas tentativas foram medíocres, açoitavam as verdadeiras pretensões e não faziam jus ao que promete essa história!

Um “Caramba!” bem entoado seria uma ótima definição para ‘Revolta!’. Ao menos, foi algo assim que pronunciei no dia 17 de novembro de 2012, no lançamento dessa HQ, quando li, pela segunda ou terceira vez, as oito páginas do primeiro capítulo! E foi algo assim que soou em minha mente quando li o segundo capítulo, alguns minutos atrás!

O roteiro é ótimo e intrigante, dotado daquele tempero que poucos conhecem e sabem usar, que nos faz ficar presos e ansiosos por mais! Estou faminta, com vontade de devorar novas ilustrações e tragar novos balões, novas páginas!

Revolta!’. Leio, acompanho, devoro! Sugiro e indico!

O primeiro passo, acessar o http://revoltahq.blogspot.com.br e prestigiar o André!

O segundo passo, descobrir-se enredado na intrincada teia de ‘Revolta!

Conheçam um pouco mais do trabalho de André Caliman em http://andrecaliman.blogspot.com.br/ .

Anúncios

Firuriruriu, Brasil!

Imagem

A Pata

Galeria

Esta galeria contém 1 imagem.

Hoje, ganhei três presentes do meu marido! O primeiro foi uma lanterninha de LED, que, segundo ele, é para ajudar-me a vencer meu medo de escuro! Especialmente porque, caso a penumbra me atormente, posso simplesmente afundar as mãos em minha … Continuar lendo

As aventuras de Tintin

E vejam a surpresa que não me foi, recordar tantos anos depois, em um momento tão sem propósito!

Folheando, por assim dizer, as páginas de um jornal on line, vejo um estopim acender as minhas lembranças e ali estávamos eu e meu irmão colados à televisão, assistindo e devorando cada segundo das famosas “Aventuras de Tintin”!

Descubro que um dos desenhos que coloriram minha infância foi inspirado em um jovem que deveras existiu! Hergé, inspirado em Palle Huld, um garoto repórter de 15 anos, criou aquele aventureiro que corria o mundo sem sair de minha sala, ao lado de Milu, o nobre cachorrinho escudeiro, e do Capitão Haddock, velho lobo do mar.

Palle Huld, dinamarquês com longa carreira de ator, morreu aos 98 anos no dia 26 de novembro de 2010. Deixo minha lembrança ao menino que este homem foi em 1928, pois ainda que não o soubesse até alguns minutos atrás, sem ele minha infância teria menos diversão.

Tiro o chapéu para Hergé, que viu no jovem repórter um motivo para criar incríveis histórias, com personagens tão curiosos!