O fio encontrado

Amizade é um carinho delicado, tantas vezes possessivo, tantas vezes tão amigo e libertador.

Descubro nas entrelinhas da vida uma nova realidade, um fio solto que descobri na tecelagem de meus passos e uni ao emaranhado da minha tapeçaria. Ei-la ali, a veia de minha aceitação, um salpicar de pessoas que, de repente, me querem bem, como nunca fui querida.

Nesta nova vida adulta, nesses passos de trabalhadora, descubro mais do que colegas, descubro a beleza de amizades que nada me pedem em troca, que não me enchem de cobranças.

Eis que prenderei com cuidado esse fio que por tanto tempo esteve perdido. Não deixarei que me escape novamente, no mar da solidão não tornarei a mergulhar.

Meu sol brilha, tenho um lugar no mundo!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s