Transeuntes e Gentileza

Há pessoas que agradeceríamos se jamais houvessem passado por nossas vidas! São aquelas que fizeram apenas nos desejar mal e humilhar, que se pensam superiores e no direito de julgar!

Deparamo-nos com tantos quantos possam existir os tipos de pessoas e, por vezes, somos felizes ao lado delas, decepcionamo-nos, somos indiferentes, somos marcados, para o bem ou para o mal.

Há pessoas com quem nossas relações seriam enormemente distintas se as houvéssemos conhecido em outras circunstâncias, em outra época ou fase de nossas existências. Se seria melhor ou pior, não nos cabe julgar ou deduzir, podemos apenas nos iludir e sonhar com o que poderia ter sido ou ter a certeza de que a forma como aconteceu foi a melhor.

Há pessoas que, por mais que nos prejudiquem, ensinam-nos valorosos ensinamentos e, de alguma maneira, contribuem para o nosso crescimento pessoal e para o escrever de nossas histórias. O que seríamos sem os tropeços, sem pessoas que nos fizeram bem ou mal, ou que apenas passaram por nós sem sequer serem percebidas. De alguma forma, todas elas influenciaram minimamente na tecelagem da tapeçaria de nossas vidas.

Há pessoas de quem desejamos nunca nos separar, há pessoas a quem declaramos nosso amor sem medo ou vergonha. Não falo do amor de amante, trato aqui do amor visto sob todos os prismas! Não afirmo também que esses a quem amamos e por quem somos amados, jamais erram conosco, magoam ou decepcionam, mas tão rara a verdade de tais sentimentos que, quando o encontramos, precisamos praticar a paciência e o esquecimento de atos. São essas as pessoas por quem derramamos lágrimas de alegria e de tristeza, de quem a separação é dolorosa, roubando um pedaço da alma e abrindo uma lacuna.

Há tantas espécies de pessoas, até aquelas que se pensam amigas, mas que acabam por fazer mal e apenas usam o outro para engrandecer-se, reduzindo-o ao pó para se autovalorizar e, neste caso, mesmo que a dor e o primeiro passo sejam o extremo da dificuldade e do sofrimento, por vezes, os laços hão de ser cortados. Penso que esteja seja a saída para quando todos os esforços de consertar as coisas tornam-se vãos.

Há pessoas das quais sempre lembramos, pelo bem ou pelo mal que nos fizeram. No entanto, não tornemos tais memórias torturas da mente, usemos cada trecho de vivência para escrever uma nova página no livro de aprendizados e ensinamentos.

Coisas importantes que aprendi com idas e vindas, com pessoas tantas e diversas que cruzaram meu caminho:

A gentileza é uma carícia para quem a dá e para quem a recebe! Não somos ninguém para julgar quem é melhor e quem é pior, o que podemos fazer é tratar todos com atenção, principalmente, os mais carentes e necessitados de afeto e respeito, maltratados pela vida e pela sociedade! A educação, a gentileza e o respeito são o mínimo que podemos ofertar-lhes e a qualquer outro!

Algo que considero de grande importância: sempre chame as pessoas pelo nome! Não importa se a verá apenas uma vez, seja quem for! Se não houver um crachá indicando o nome da pessoa, pergunte!

Sempre agradeça pela atenção que lhe foi dada, ainda que minimamente, e deseje um bom dia a todos que se dirigirem a você! Isso é incentivo e reconhecimento às pessoas e, ainda que não tenham sido gentis e adequadas com você, se as pessoas a tratarem melhor, com certeza mudará positivamente sua conduta, buscando dar o que puder de si para merecer a gentileza e para ser, realmente, reconhecida!

E…

Cumprimente com um “Bom dia” repleto de energia todos aqueles que lhe cruzarem o caminho! Não importa quem seja, não importa sua situação na sociedade!

Faça com que cada pessoa gere bons reflexos em sua vida e gere bons reflexos da vida dela!

A gentileza faz-nos sentir mais leves e felizes! No entanto, para aqueles que a recebem, o efeito é aumentado exponencialmente!

 

É o mínimo que podemos fazer!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s